Resenha #3 – O Resgate

capa

brulianvoto

Denise é uma mãe solteira de 29 anos, que precisou sair de seu emprego como professora para dedicar-se ao seu filho, Kyle, que tem dificuldades na linguagem.

Taylor é empreiteiro e um destemido aliado do corpo de bombeiros da pequena cidade onde vivem, Edenton, onde atua como voluntário sempre que o avisam sobre acidentes que necessitam de auxílio.

Em uma noite de tempestade, os destinos desses dois se chocam. Denise voltando do trabalho, com Kyle na cadeirinha, sofre um terrível acidente de carro e quem a encontra é Taylor (claro!) que estava prestando seus serviços para o corpo de bombeiros. Quando olha para o banco de trás e percebe que seu filho não está lá, a primeira pergunta que ela faz é: Você está com o meu filho, não está?

Não estava. Assim, inicia-se a jornada em busca de Kyle, perdido no pântano, à noite, com uma forte chuva caindo, sozinho e com problemas na fala e audição.

DSCN3545

DSCN3534 - Cópia

Não, o livro não é sobre a busca pelo menino. Depois de umas cinco horas, Taylor finalmente o encontra. O livro fala sobre culpa, arrependimentos, força, superação, tristezas, lutas diárias com a vida e principalmente com nós mesmos.

Como sempre, Nicholas Sparks nos faz pensar na vida do outro, o que o outro pode estar passando por trás da tal armadura que colocamos na nossa frente para mascarar o que quer que seja. Lendo a ‘Nota do Autor’ no final do livro você nunca iria imaginar que ele e a esposa passaram – e passam ainda, é claro – por tantas dificuldades em seu casamento e com seus filhos. O que, parando para pensar, é óbvio que todos nós temos momentos de dúvidas, de inseguranças, de alegrias e tristezas. Você não é um sorteado na loteria da vida por experimentar vários sentimentos ao longo da sua vida.

Esse livro me emocionou, me fez chorar, e me fez perguntar: PORQUE, NICHOLAS?? PORQUE VOCÊ FEZ ISSO??? Mas é bom para sabermos – se ainda não aprendemos (vestida com a carapuça, confesso) – que a vida não é um conto de fadas em um mundinho cor de rosa. Coisas boas e coisas ruins acontecem em nossas vidas, mas de uma coisa eu tenho certeza, todas SEMPRE servem para crescimento e amadurecimento pessoal.

???????????????????????????????

?????????

Conselho de amiga: Geeeente, sério, não sigam meus exemplos, sigam meus conselhos. Eu tenho um sério problema! Uma pessoa normal leria o livro na ordem certa, página por página, sofrendo junto, entrando no clima do contexto para em fim saber como acabará. Mas eu? Nããão, eu não. Isso não faz parte de meu vocabulário. Eu necessito, veja bem, NECESSITO, dar uma olhadinha nas páginas posteriores para saber como terminarão as coisas. Não necessariamente ver o final do livro em si, mas pelo menos o final da parte em que estou lendo (e morrendo querendo saber das coisas). E isso NUNCA dá certo. Neste livro, por exemplo, eu fui dar uma olhadinha básica e, droga, acabei vendo uma coisa que despertou meus sentidos literários e soube que aconteceu alguma coisa no meio do livro que não tinha lido ainda. O que eu fiz? Voltei a ler de onde estava para esperar a parte chegar? NÃÃÃÃÃO, fui PROCURAR a parte que eu queria, e droga de novo, estava certa. Morri ali mesmo, naquela página. Em outro livro, o personagem principal iria morrer se não fizesse uma cirurgia e eu tava lá, morrendo de chorar com toda a emoção do casal na pré-cirurgia e não aguentei, olhei! Ai depois me perguntam se eu não leio livro de suspense… Amoooor, ler eu leio, mas… nos meus termos ;D

DSCN3555 - Cópia

?????????

Estou contando minhas manias loucas, para dar finalmente o conselho: leia o livro por etapas, sorria junto com os personagens, chore junto com eles, VIVA junto com eles. Não seja insana ao ponto de “prever o futuro” dos personagens (Ou então seja mesmo. Provavelmente, vou continuar sendo também).

Mas e aí, vocês tem alguma mania de leitura? Alguma coisa? Contem para mim.

Beijos,

assinaturaemail

Anúncios

2 comentários sobre “Resenha #3 – O Resgate

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s